Administração
Contribuição
Você pode contribuir com os Projetos Missionários do Pb Janio Batista através de depósitos na conta: Ag. 104 Conta Poupança 1840081 praça oito Centro Janio Batista - Missoes Deus te abençoe! - Missão
Visitas
4464 Visitantes
Redes Sociais

Polícia detém seis por tráfico de drogas durante operação em Cachoeiro de Itapemirim

A polícia civil realizou uma operação em Cachoeiro de Itapemirim, no sul do Estado, contra o tráfico de drogas nesta sexta-feira (27). Durante a operação, foram detidos seis homens acusados de vários crimes.  Foram presos William Tagliaferro dos Santos, de 26 anos, Felipe Campos Bine, de 22 anos, Matheus Garbim Monteiro 23, Carlos José da Silva Gomes, 39 anos, Peterson da Silva Thomaz e Enzo Roger da Silva Ferreira, ambos de 18 anos.

De acordo com o delegado Felipe Vivas, contra William Tagliaferro havia um mandado de prisão expedido por suspeita de crime de homicídio. Com ele estava Peterson da Silva. “Durante o cumprimento do mandado de busca e apreensão, também foi encontrado com o detido, cerca de 300 g de cocaína, 66 buchas de maconha, 42 pedras de crack, três pinos contendo cocaína, cinco munições de calibre 32, uma balança de precisão e uma caderneta contendo anotações referentes ao tráfico de drogas. Ele também foi autuado em flagrante por tráfico de drogas”, contou.

Felipe Campos foi preso no bairro Nossa Senhora da Penha por envolvimento com o tráfico de drogas. Contra Matheus Garbim havia um mandado de condenação pelo crime de tráfico. Ele foi detido no bairro Coramara. Já Carlos José foi preso no bairro Nova Brasília.

O delegado também contou que durante o cumprimento de um dos mandados, Enzo Roger foi preso em flagrante. Com ele foram encontrados três chassis de motocicletas roubadas e uma motocicleta com chassi raspado. Outros 10 mandados de prisão foram cumpridos na cidade. Todos foram encaminhados ao Centro de Detenção Provisória de Cachoeiro de Itapemirim.

Participaram da operação equipes da Delegacia Especializada em Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) e do Departamento Especializado de Narcóticos (Denarc), com apoio do Departamento de Investigação Criminal (Deic) e da Delegacia de Infrações Penais e Outras (DIPO).